Na sessão parlamentar desta quinta-feira (12), os membros da Comissão Especial Externa criada na Assembleia Legislativa de Roraima para acompanhar a implantação de radares em Boa Vista, se reuniram para apresentação do relatório elaborado pela deputada Lenir Rodrigues (Cidadania). O documento aponta possíveis irregularidades em relação à empresas contratadas para a fiscalização do trânsito.

De acordo com Lenir Rodrigues, os dados indicam que a fiscalização eletrônica iniciou com irregularidades. “Eu terminei esse relatório no mês de outubro, mas como estamos em muitas atividades, hoje tivemos a oportunidade de nos reunir para aprovarmos. O documento prova que eles começaram a operar em nosso Estado indevidamente sem a ART [Anotação de Responsabilidade Técnica] do Crea”, destacou.

Após a leitura do documento, a parlamentar pediu pela aprovação do relatório, mas o deputado Gabriel Picanço (Republicanos) solicitou vista do documento. “Como há muitas datas divergentes das empresas, do próprio município de Boa Vista e do Crea, o deputado sentiu a necessidade de pedir vista e foi concedido. Após a aprovação é que vamos fazer requerimentos para tomamos as providencias cabíveis”, enfatizou Lenir.

O relatório é o resultado das investigações sobre a fiscalização eletrônica e aplicação de multas aos condutores. Para o andamento das atividades, a deputada Lenir Rodrigues explicou que a Comissão já realizou audiências públicas, pedidos de informações e requisição de documentos e pesquisas documentais.

Texto: Jéssica Sampaio

Foto: H. Emiliano

SupCom ALE-RR