O ano de 2019 foi marcado por várias conquistas para os alunos de jiu-jítsu do programa Abrindo Caminhos. Prova disso é que neste sábado (18), 27 atletas, entre alunos e professores, foram homenageados no prêmio Melhores do Ano 2019. O evento é organizado pela Federação de Jiu-Jítsu do Estado de Roraima (FJJERR), que também classificou o programa do Poder Legislativo no quarto lugar do ranking das melhores academias de Roraima.

A cerimônia de entrega dos certificados ocorreu no auditório do Palácio da Cultura Nenê Macaggi, no Centro de Boa Vista e homenageou cerca de 400 atletas locais, professores e academias de jiu-jítsu do Estado por serem destaque no ano passado.

Viviane Caneiro, de 11 anos, é atleta do programa no núcleo do Poder Legislativo em Alto Alegre há dois anos. Ela explica que nunca imaginou ser homenageada por se destacar na modalidade. “Eu nunca imaginei estar nesse evento, que é um dos mais importantes eventos sobre o jiu-jítsu aqui do Estado. Me esforcei e estou recebendo essa homenagem graças aos meus méritos”.

Quem também recebeu o certificado de Melhores do Ano, foi João Victor Romão, de 14 anos. Após ter se dedicado, o sentimento é de gratidão. “É muito gratificante receber essa homenagem, porque você sabe que se dedicou muito o ano todo para ser reconhecido nessa premiação. A sensação é boa e estou muito feliz, agora vou dar continuidade, focar nos treinos e que esse ano seja igual à 2019”, disse.

Recompensa

Para o professor de jiu-jítsu do programa Abrindo Caminhos, Bruno Romão, que também foi homenageado, isso é a recompensa por um trabalho realizado durante o ano todo. “É o resumo do trabalho que nós desenvolvemos com essas crianças e adolescentes. Isso mostra que nosso trabalho está dando resultados e a intenção é manter eles no topo com a liderança”.

O professor Ítalo Vinícius Campos, do núcleo de Mucajaí, também recebeu certificados. Conforme Ítalo, os trabalhos irão continuar para que os alunos melhorem o desempenho. “É uma satisfação receber esse prêmio junto com os alunos da modalidade. A cada dia vamos melhorando mais, desenvolvendo as habilidades desses meninos que são grandes atletas dentro do Estado”, enfatizou.

Classificação

O evento “Melhores do Ano” ocorre desde 2018 com os atletas classificados por meio de uma contagem de número de pontos do ranking da Federação. Os campeonatos que somaram pontos para o ranking de 2019 foram:  Copa Norte Internacional de Jiu-jítsu, Campeonato Roraimense de Jiu-Jítsu, Copa Boa Vista de Jiu-jítsu, Copa Salim Dib de Jiu-Jítsu e Roraima Open NO GI.

De acordo com o diretor técnico da FJJERR, Daniel Trindade, o evento busca valorizar os destaque nas competições da Federação. “Em 2019 foram cinco competições e todos os atletas que se destacaram vão acumulando pontos nas competições e quem teve as maiores pontuações são homenageados”, disse.

Daniel parabenizou os atletas do programa Abrindo Caminhos, que apesar de estarem iniciando nas competições, já conseguiram resultados positivos. “Em curto espaço de tempo eles começaram a se destacar e, hoje, temos uma quantidade significativa de atletas do programa sendo homenageados. O evento é um termômetro que mostra se o atleta está preparado para representar o Estado nas competições nacionais e internacionais”.

Em três anos de programa, os alunos da modalidade de jiu-jítsu de Boa Vista, Alto Alegre, Mucajaí e Rorainópolis, já alcançaram 92 medalhas em mais de dez competições.

Texto: Jéssica Sampaio

Foto: H. Emiliano

SupCom ALE-RR