Pular para o conteúdo

Chame da Assembleia participa do projeto Quebrando o Silêncio, da igreja Adventista

A deputada Lenir Rodrigues, reconhece que é importante as mulheres saberem distinguir os tipos de violência e que não fiquem caladas. 

O Chame (Centro Humanitário de Apoio à Mulher), da Assembleia Legislativa de Roraima (ALERR), apresentará o projeto ‘Olhos de Maria’, como parte da programação da ação social da igreja Adventista do Sétimo Dia, intitulada ‘Quebrando o Silêncio’. O evento terá início neste domingo, 20, das 10h às 22h, no Roraima Garden Shopping, e se encerrará no sábado, dia 26, na praça Germano Augusto Sampaio.

Essa ação acontece há 12 anos na América do Sul e em 2017 terá como foco a violência contra a mulher. O projeto ‘Olhos de Maria’, do Chame, é voltado principalmente às mulheres cristãs, com atendimento psicológico, jurídico e orientação sobre os tipos de violência, o trabalho da instituição, bem como indicação dos lugares em que as vítimas devem procurar.

“Nós do Chame nos juntamos com a igreja Adventista do Sétimo Dia para fazermos essa exposição”, explicou a procuradora Especial da Mulher, deputada Lenir Rodrigues (PPS). Ela reforçou que a ideias de unir os projetos é para abrir os olhos das mulheres quanto aos sofrimentos, abusos e violações cometidas, principalmente, dentro de casa.

A parlamentar reconhece que é importante as mulheres saberem distinguir os tipos de violência e que não fiquem caladas. “As pessoas dizem que o número de violência cresceu, mas o que cresceu foi a capacidade das mulheres saberem distinguirem os tipos de violência familiar que elas sofrem”, completou Lenir.

O ‘Quebrando o Silêncio’ acontecerá de domingo a terça-feira no Roraima Garden Shopping, de quarta, 23, a sexta-feira, 25, no Pátio Roraima Shopping. No sábado, 26, haverá ação na Praça Germano Augusto Sampaio, localizada no bairro Silvio Botelho, zona Oeste de Boa Vista.

Segundo o pastor da igreja Adventista do Sétimo Dia, Arlindo Kefler, a cada edição o ‘Quebrando o Silêncio’ focaliza em um tipo de violência e tem o intuito de dizer não aos abusos. “É dizer não a violência e se você sofre a violência tem alguém que pode ajudar e orientar. O Chame é o nosso parceiro, e desenvolve um trabalho social importante, em que as pessoas podem ir lá e vão encontrar ajuda, força”, citou.

Haverá ainda uma exposição fotográfica, assinada por Márcio de Freitas, que retratam situações reais do dia a dia, distribuição de revistas, folders e outros materiais informativos. Os interessados podem acessar ainda a revista ‘Quebrando o Silêncio’ pela internet através do link http://quebrandoosilencio.org/revista-quebrando-o-silencio-2017/.

“No sábado, dia 26, convidamos a comunidade de Boa Vista para uma passeata, carreata, um grande movimento que vai acontecer na praça Germano Augusto Sampaio. Teremos um fórum em praça pública”, disse o pastor.

Por Yasmin Guedes

SupCom/ALE-RR

Compartilhar

Notícias Relacionadas

Arquivos

0