A falta de um medicamento específico receitado a uma adolescente de 14 anos diagnosticada com câncer, levou o deputado Izaias Maia (PTdoB) a usar a tribuna na manhã desta terça-feira, 17, para pedir que o líder do governo na Assembleia Legislativa, deputado Brito Bezerra (PP), interceda junto ao Executivo para a aquisição do medicamento.

A família da adolescente, que mora no município de Rorainópolis, a 321 km de Boa Vista, procurou a ajuda do parlamentar porque a menina depende deste remédio para dar continuidade ao tratamento e mantê-la viva. Ela já esteve internada no Hospital do Câncer, em Barretos (SP), e o medicamento prescrito, segundo o parlamentar, custa R$ 28 mil. “Peço aos parlamentares, principalmente os que trabalham diretamente com a governadora, para ajudar a Gabriela, porque na Justiça levará cinco a seis meses e ela precisa do medicamento. Ela está morrendo aos poucos. Levei ela no meu programa no sábado e se o Governo não resolver, farei uma campanha pedindo a ajuda do povo”, disse Izaias, ao pedir que o líder do Governo se sensibilize com esse caso porque a menina parou de fazer uso do medicamento no mês de setembro.

O deputado Brito Bezerra (PP) agradeceu a preocupação do parlamentar e se prontificou a verificar a situação junto ao Governo. “Sugiro que se tiver algo palpável encaminhe para o meu gabinete, que já vamos tomar as providências e com a urgência que o caso requer”, garantiu.

Brito disse que os pacientes que necessitam de medicamentos dessa natureza, muitas vezes são orientados pela própria Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) a recorrer à Justiça, pois há vários motivos que resulta na falta de determinados remédios como os entraves burocráticos do processo licitatório e até a demora na entrega do produto por parte do fornecedor. “A justiça determinando a compra em atendimento ao pedido de liminar do Ministério Público, a secretaria pode comprar porque tem a anuência para adquirir dentro de 48 horas. Peço que encaminhe para o meu gabinete porque sei da dor da família e essa doença não espera, consome muito rapidamente”, disse Brito, ao anunciar que, em breve, Roraima terá um tratamento muito mais humanizado porque estará apto a fornecer a radioterapia, evitando dessa forma o deslocamento do paciente para outro Estado.

O deputado George Melo não perdeu a oportunidade e lembrou que na situação desta adolescente existem vários pacientes, inclusive internados no Hospital Geral de Roraima (HGR), aguardando medicamentos. “Peço que vossa excelência [Izaias Maia] não passe só esse caso para o deputado Brito, passe outros também. Assim o Governo saberá o tamanho do déficit de remédio que falta dentro do HGR. Assim, o deputado Brito Bezerra saberá o tamanho da irresponsabilidade desse governo para com o povo de Roraima”, disse.

Marilena Freitas