O evento foi coordenado pelo Centro de Apoio aos Municípios e reuniu os programas e instituições ligadas ao Poder Legislativo

 

Fotos: SupCom ALERR

 

Denúncias, informação, lazer e palestras marcaram a ação social da Assembleia Legislativa do Estado de Roraima (ALE/RR), realizada na noite desta quarta-feira (19) no bairro Buritis, zona Oeste da cidade. O evento foi coordenado pelo Centro de Apoio aos Municípios (CAM), e reuniu todos os programas e instituições ligadas ao Poder Legislativo.

As denúncias sempre ocupam lugar significativo, e nesta ação não foi diferente. A dona de casa Mariana Lins, moradora do bairro há 22 anos, denunciou a falta de segurança pública e a situação das ruas, como a Raimundo Filgueiras.

“A falta do asfalto é um grande problema. Com as chuvas, esse barro vermelho vira lamaçal. Junta com a insegurança e essa praça totalmente abandonada, fico com medo de sair de noite. Esse evento trouxe vida para o bairro, porque os governos esqueceram totalmente da gente”, denunciou.

A aposentada Iolanda Freitas Nogueira, de 66 anos, foi além e reclamou dos serviços prestados pelo posto de saúde do bairro. “Queria que o posto voltasse a fazer os exames, do jeito que era antigamente, porque hoje passamos até quatro meses para conseguir uma consulta, e quando consegue, ainda é em outro local. Os políticos precisam entender que eles são nossos funcionários, então por que não nos dar mais atenção?”, questionou.

Sem opção de lazer e com a insegurança que assombra a população, Marinalva Rodrigues da Silva, de 25 anos, disse que o evento animou o local. “Minha mãe é uma das fundadoras deste bairro, mas hoje mal vemos nossos vizinhos. Essa ação deixou a praça alegre e beneficiou, principalmente as crianças, que não vêm brincar na praça por causa da marginalidade”, observou.

A coordenadora de projetos especiais da ALE-RR, Eumaria Aguiar, disse que o Poder Legislativo trabalha sempre para aproximar a Assembleia dos moradores. Ela anunciou que a próxima ação será no sábado (23), no bairro Asa Branca.

“Estamos alcançando a nossa meta. As ações são solicitadas pelos próprios moradores, e neste grande encontro fazemos um trabalho social e informativo. Hoje, por exemplo, além do lazer promovido pelo programa Abrindo Caminhos, estamos ofertando uma palestra na área de nutrição”, ressaltou.

PALESTRA/LAZER – Ação contou ainda com a presença de projetos como o Procon Assembleia, Procuradoria Especial da Mulher, Escola do Legislativo, Fiscaliza Roraima e parcerias do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social), Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) e da nutricionista Alessandra Carioca, que ministrou palestra sobre Alimentação Saudável.

A dona de casa Keila Ferreira Cardoso, de 31 anos, não tem dúvida de que está acima do peso. A palestra trouxe motivação para mudar essa realidade. “Estou precisando muito de uma dieta e de uma boa alimentação. Já está passando da hora”, disse.

Hipertensa e vítima de duas eclampsias (complicações no parto em função da pressão arterial), a venezuelana Evelin Azolay, de 34 anos, sabe que é preciso mudar os hábitos se quiser ter vida longa e saudável. “Como disse a nutricionista, precisamos evitar os carboidratos e as comidas industrializadas e rápidas, que fazem muito mal à saúde”, afirmou.

As crianças que foram à praça tiveram uma noite divertida com várias atividades voltadas para o público infantil, como pintura, pula-pula, desenho e apresentação de jiu-jitsu.

 

 

Marilena Freitas

SupCom ALERR