Mesmo com as atividades presenciais suspensas na Assembleia Legislativa de Roraima devido à pandemia do covid-19, os serviços de atendimento do programa Fiscaliza Roraima continuam pela internet, por meio do site www.fiscalizarr.com.br, ou aplicativo disponibilizado para plataformas Android. A ação é uma ferramenta do Poder Legislativo pela qual a população ajuda a fiscalizar a prestação de serviços públicos.

Os técnicos do Fiscaliza Roraima estão de prontidão para registrar as denúncias apresentadas pela população por meio destes canais. Segundo o superintendente de Fiscalização, Gefster Chagas, a visita no local denunciado ocorrerá se for algo emergencial neste período de isolamento social. “A denúncia também pode ser feita pelo Whatsapp pelo telefone 98402-1785”, completou.

Segundo o superintendente, os registros feitos neste período têm sido encaminhados para os órgãos responsáveis. As denúncias mais frequentes estão relacionadas a buracos nas ruas de Boa Vista, pontes comprometidas no interior e falta de água em diversos bairros na Capital.

Mas, desde a adoção do isolamento social e busca de produtos específicos no comércio para combater o novo coronavírus, as reclamações foram em torno do preço cobrado no álcool gel e sobre pagamentos de mensalidades em faculdades particulares.

Fiscaliza Roraima

Criado pela Mesa Diretora da Assembleia Legislativa de Roraima, o programa permanente Fiscaliza Roraima recebe denúncias das mais várias esferas e situações, desde buracos nas ruas, quanto a falta de serviços públicos, a exemplo da iluminação pública, escolas, hospitais e segurança.

Quando registrada, a reclamação é averiguada pessoalmente pela equipe técnica do Fiscaliza Roraima, que formaliza em documento e encaminha aos organismos competentes em busca de solução ou resposta.

Texto: Yasmin Guedes

Foto: Arquivo/ SupCom ALE-RR

SupCom ALE-RR