O professor Antônio Ferreira passou por situação constrangedora ao comprar um armário e esperar quase duas semanas pela montagem por parte da loja. Por diversas vezes, ao ligar para empresa, ele recebia a resposta de que seriam mandado um montador à casa dele.  Ao passar em frente a sede da Assembleia Legislativa de Roraima nesta quinta-feira (12), ele recebeu orientação da equipe do Procon Assembleia sobre como procurar apoio para resolver questões como essa.

Ele pontuou que não buscou auxilio por acreditar que logo o problema seria solucionado. “Nunca procurei, mas agora estou decidido a ir e buscar meus direitos”. Ele destacou que o acesso à informação é importante para “abrir os olhos” da população e evitar futuros aborrecimentos. “Sempre temos problemas, pois a gente vai comprar em algum lugar e não tem troco ou compra e demoram a montar, como foi o meu caso”.

Nesta semana que antecede o Dia do Consumidor, celebrado no dia 15 de março, a equipe do Procon Assembleia estará nas ruas de Boa Vista para orientar a população sobre legislação e falar sobre o trabalho que o serviço de Defesa do Consumidor do Poder Legislativo tem a oferecer. Nesta quinta-feira, duas blitze educativas reforçam a informação para a população.

Para a sexta-feira (13), será a vez de percorrer estabelecimentos comerciais da avenida Ville Roy, sentido zona Leste de Boa Vista, para reforçar as informações. No Dia do Consumidor, das 16h às 20h, no Roraima Garden Shopping, o Procon Assembleia fará uma blitz educativa para os clientes do empreendimento.

Entre as principais reclamações feitas ao Procon Assembleia, destacou a advogada Renata Souto Maior, estão questões ligadas à cobrança na conta de energia elétrica e telefonia móvel. “Caso o consumidor não consiga a solução [com a empresa], ele pode nos procurar e daremos todas as orientações legais e abriremos a reclamação”, explicou. Renata destacou que o trabalho do Procon Assembleia é constante.

O Procon Assembleia funciona na rua Agnelo Bittencourt, nº232, no Centro de Boa Vista, de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, bem como pelo telefone 4009-4826.

Texto: Yasmin Guedes

Foto: Alfredo Maia

SupCom ALE-RR