O programa disponibiliza toda uma estrutura para que os estudantes sejam transportados em segurança até o Cine Super K.

Entretenimento, cultura, música, pipoca, algazarra e muita alegria. Assim foi a tarde desta quinta-feira, 17, para aproximadamente 300 alunos que estudam na Escola Estadual Ana Libória, localizada no bairro Mecejana. Eles foram contemplados pelo Cine Ale Cidadania, programa da Assembleia Legislativa de Roraima, idealizado há 10 anos pelo presidente da Casa, deputado Jalser Renier (SD) e que já beneficiou a mais de 30% dos estudantes da rede pública estadual de ensino do estado.

“É uma felicidade imensa voltarmos com o nosso programa Cine Ale Cidadania, que leva entretenimento através da cultura cinematográfica. Estamos recebendo os alunos da escola Ana Libória, que vão assistir um filme em 3D. Isso significa que estamos no caminho certo, levando entretenimento, cultura educação, mas acima de tudo oportunidade para aquelas pessoas que ainda não tiveram a condição de assistir um filme, ou pelo menos entrar numa sala de cinema. Há alunos e professores que estão visitando uma sala de cinema pela primeira vez. O reflexo desse trabalho é uma vitória para nós todos, que sabemos o quanto é importante educar”, disse Jalser Renier.

O programa disponibiliza toda uma estrutura para que os estudantes sejam transportados em segurança até o Cine Super K, em ônibus com escolta da Polícia Militar e Corpo de Bombeiro Militar, além dos ingredientes prioritários numa sessão de cinema: pipoca, água e refrigerante. “Hoje é preciso estarmos conectados não somente com a Internet, mas com o entretenimento, a cultura, tudo que pode contribuir para o desenvolvimento intelectual da pessoa. O Cine Ale Cidadania foi o meio mais fácil que encontramos para fazer com que todas essas coisas conspirem a favor de vocês (alunos)”, complementou Jalser.

Eles assistiram ao filme Transformes – O Último Cavaleiro, mas antes da sessão, tiveram a oportunidade de ver vídeos informativos sobre bullying, prevenção às drogas, doenças sexualmente transmissíveis e gravidez na adolescência.

A gestora da escola, Florismar de Oliveira Nascimento, ressaltou a importância daquela atividade para os alunos. “Essa é uma oportunidade ímpar, pois sabemos da situação financeira dos nossos alunos, condição social que muitas vezes impede deles irem ao cinema. Além disso, esse momento aqui não será somente de diversão, mas de orientação. Esse é um programa que beneficia diretamente a juventude, que tanto precisa desse apoio”, salientou.

A estudante Ana Vitória, 15 anos, foi uma das primeiras a chegar à sala de cinema. Junto com turma preferida, correu para ocupar os lugares que ficam no topo da sala, para melhor desfrutar do filme. “Essa será uma tarde inesquecível. Está sendo muito divertido e esse programa é muito legal porque é uma oportunidade de interagir com todo mundo. O presidente da Assembleia acertou porque esse é o tipo de atividade que faz a gente sair do tradicional, que é a sala de aula”, disse.

O aluno Marcelo Felipe de Oliveira, 17 anos, disse que nunca havia saído junto com tantos colegas da escola. “Essa é a primeira vez e tenho certeza que será legal até o final. Essa ação vai ajudar bastante na comunicação de todos, inclusive com os professores. O presidente Jalser Renier está de parabéns e deveria fazer isso mais vezes”, sugeriu.

O aluno Gabriel da Silva Brandão, 17 anos, também manifestou gratidão pela oportunidade. “Está sendo muito top, sem palavras. Daqui a pouco será a maior zueira. O presidente Jalser Renier está de parabéns”, disse, ao comandar um grito de guerra junto com os colegas.

O programa Cine Ale Cidadania conta também com a parceria da Secretaria Estadual de Educação e Desportos, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Roraima (OAB-RR), Tribunal Regional Eleitoral, Tribunal de Contas do Estado de Roraima (TCE) e Ministério Público de Contas.

 

Por Marilena Freitas

SupCom/ALE-RR