O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e o vestibular estão batendo à porta, e aqueles que se inscreveram nestes concursos para conquistar uma das concorridas vagas oferecidas pelas universidades públicas e privadas começam a ficar tensos. Para auxiliar os alunos neste processo de aprendizado, o Núcleo da Assembleia em Alto Alegre, município localizado a 96 km de Boa Vista, ofertará na próxima sexta-feira, 27, a partir das 18h, o sexto aulão, sendo que dessa vez será sobre Redação, considerada o ‘bicho papão’ dos candidatos.

O aulão é um projeto da Assembleia Legislativa do Estado de Roraima (ALERR), que tem como finalidade potencializar o aprendizado de estudantes que estão se preparando para o Enem, vestibular e concursos públicos. A aula será ministrada pelo professor Cleyton Bonfim, que já ministrou o aulão de português, dando enfoque à gramática e análise sintática.

“E agora chegou a vez da redação, uma temática importante no processo de concurso público que tem esse critério. O Cleyton Bonfim vai trabalhar o processo metodológico, o procedimento correto da organização do pensamento e da coerência textual dentro da redação”, disse a diretora da Escola do Legislativo, Leila Perussolo, ao ressaltar que a Assembleia está investindo em dois grandes projetos.

Leila explicou que um dos projetos é o trabalho, por meio da educação, a valorização dos servidores da Casa, ofertando cursos de capacitação, além de duas pós-graduação. O outro projeto, de cunho social e educativo, é voltado para a comunidade em geral.

“A mesa-diretora da Assembleia e o presidente Jalser Renier (SD), estão empenhados e compromissados em possibilitar essa oportunidade de educação para a nossa juventude, que vai fazer vestibular e participar de concurso público. Esse é um projeto grandioso que ganha corpo a cada dia. A cada edição estamos bem satisfeitos porque temos um público formado por jovens e adolescentes, que poderiam estar na sexta-feira em uma praça, mas não, estão participando do aulão, aproveitando a oportunidade e se qualificando para enfrentar o mercado”, salientou Leila.

A diretora fez questão de frisar que esse é um projeto desenvolvido com muita seriedade e que quem aproveitar o momento, com certeza, colherá bons frutos no futuro. “É um trabalho feito com muita responsabilidade e conta com a seriedade de vários atores envolvidos. Além do professor, que vai desenvolver as questões contextualizadas no modelo do Enem e do vestibular, há também a logística e o empenho dos servidores do Legislativo na unidade de Alto Alegre e da própria Assembleia. O resultado nos mostra que investir em educação, nas mais diferentes formas, é o caminho para mudar e abrir novos horizontes para os nossos jovens”, complementou.

Marilena Freitas