O consumidor que tiver alguma pendência relacionada ao sistema financeiro operado pelo Banco do Brasil (BB) e a Caixa Econômica Federal (CEF) deve procurar o Procon Assembleia de 12 a 16 de março, para buscar a solução do problema. É que nesse período acontecerá a Semana do Consumidor, que será realizada na sede da entidade, localizada na rua Agnelo Bittencourt, 232, Centro, das 7h30 às 13h30.

O evento faz parte do ‘Procon Assembleia mais perto de você’, e a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) também estarão presente neste ação. “Durante essa semana haverá um atendimento especializado ao consumidor, com intuito de demonstrar que esses parceiros têm interesse em atender melhor os clientes. Todos os atendimentos que existem no Banco do Brasil e na Caixa Econômica serão disponibilizados aqui. Quem também tiver problema com telefonia, aproveite a oportunidade para resolver sua pendência”, explicou Eumária Aguiar, diretora do Procon Assembleia, ao salientar que o Senac estará divulgando os serviços que oferecem aos consumidores.

Segundo a diretora, os representantes das empresas que vão participar do evento são preparados para dirimir as dúvidas e solucionar o problema. “São pessoas que têm conhecimento de todas as atividades desenvolvidas pelos bancos. As situações que não forem possíveis resolver de imediato, os gerentes vão levar, e no outro dia trazer a solução”, esclareceu Eumaria.

Essas empresas foram convidadas com base nas principais demandas recebidas pelo Procon Assembleia. As estatísticas mostram que do total de atendimentos no último quadrimestre do ano passado, 44% são reclamações contra as empresas de telecomunicações, seguido das instituições financeiras que representam 29%, das prestadoras de serviços privados, que equivale a 19%, ficando energia e água com 2% e 1%, respectivamente.

DATA – O Dia Internacional do Consumidor é comemorado em 15 de março. A data foi instituída em 1962 depois que o presidente norte-americano John Kennedy destacou que todo consumidor tem direito, essencialmente, à segurança, à informação, à escolha e de ser ouvido. A primeira comemoração ocorreu no dia 15 de março de 1983. Dois após, as Organização das Nações Unidas (ONU) adotou os Direitos do Consumidor como Diretrizes Gerais das Nações Unidas, dando legitimidade e reconhecimento internacional à data. “O objetivo da data é propagar a luta e o conhecimento sobre os direitos do consumidor, pois muito mais importante que as leis, é fortalecer um movimento em prol de relações de consumo saudáveis”, disse Eumária.

Por Marilena Freitas

SupCom/ALE-RR