Queimar calorias, melhorar o condicionamento físico e ainda fazer novas amizades. É o que pretende a dona de casa Rita Macedo, entre as mais de 89 pessoas inscritas nas aulas de zumba, modalidade ofertada pelo Núcleo da Assembleia Legislativa em Mucajaí, atividade que estreou ontem, 18, naquele município. São duas turmas com aulas às quartas-feiras, das 18h às 19h e das 19h às 20h, na rua Padre Ricardo Silvestre, s/n, no Centro da cidade.

Motivada pelos amigos, ela procurou o Núcleo do Poder Legislativo para se inscrever nas aulas de zumba, com a finalidade de melhorar também a qualidade de vida, por meio da atividade física. Aos 47 anos, recordou que a última prática esportiva aconteceu há cerca de 30 anos.

“Vim mesmo para exercitar o corpo. Estou me sentindo muito cansada e também me sinto um pouco gordinha, né?”, brincou Rita, que é casada e mãe de dois filhos adultos. “É muito bom porque não tínhamos isso aqui em Mucajaí e agora temos que aproveitar essa oportunidade que a Assembleia está nos proporcionado, não só com a zumba, mas com outras atividades, inclusive até na área de educação, o que é bom para a nossa juventude e até para os adultos”, reforçou.

Posicionadas uma ao lado da outra, as participantes atentaram-se a cada explicação de movimentos ensinada pela professora de zumba, Keytiany Santos. Ao som de músicas que não deixam ninguém parado, aos poucos cada uma se soltou do jeito que podia.

Conforme explicou Keytiany, não precisa saber dançar para praticar a modalidade. “A zumba te dá um condicionamento físico bom, melhora a autoestima, a perda de peso, tira a tensão do dia a dia. Às vezes a pessoa está estressada e quando chega à aula ela acaba se divertindo e acaba melhorando essa tensão”, complementou.

Além disso, a oferta de forma gratuita ampliou o acesso de muitas pessoas a prática. “É mais amplo, abre mais oportunidades para as pessoas que não tem como pagar uma aula e aqui é gratuito”, frisou a professora. As aulas acontecem em um ambiente climatizado e amplo.

Outras atividades – Enquanto alguns trabalhavam o corpo, outros usavam a mente para aprender Informática e Espanhol, cursos promovidos pela Escola do Legislativo naquela região. A professora de Espanhol Básico, Liliana Evora, explicou que durante todo o processo, seguindo para o intermediário e avançado, os alunos sairão com a compreensão e a fala do idioma.

Caio de Oliveira, 17, relatou a necessidade de aprender a língua estrangeira devido a presença constante de imigrantes no município. “Achei muito bom porque quando a gente vai para algum lugar, a gente precisa ‘desenrolar’ um pouco a comunicação. Perto da minha casa, por exemplo, moram vários venezuelanos. Aprendendo aqui vou conversar com eles lá e eles vão me ensinar também”, disse.

O Núcleo da Assembleia Legislativa no município de Mucajaí atende a pouco mais de 500 pessoas, a partir dos 5 anos de idade, inscritos nas atividades de Jiu-Jitsu, Balé, Futebol, Coral e Zumba, pelo Abrindo Caminhos, e nos cursos de Espanhol, Inglês e Informática, através da Escola do Legislativo.

Segundo a coordenadora da instituição, Juliana Cardoso, há uma intensa procura por capacitações e preparatórios. “O balé tem sido um dos mais procurados também. O Núcleo traz essas oportunidades aos nossos munícipes e para que venham participar dos cursos e possam aprender mais”, salientou.

Por Yasmin Guedes

SupCom/ALE-RR