Aos 57 anos, a auxiliar de serviços gerais Maria Gomes de Melo foi uma das 200 pessoas que participou da segunda edição do Sabadão Concurseiro, promovido pela Assembleia Legislativa de Roraima, por meio da Escola do Legislativo. E para não perder a oportunidade, ela caminhou por quase 2h do bairro Centenário até o Silvio Botelho, para aprender um pouco mais sobre Direito Administrativo e Constitucional, além de Português para concurso público.

O Sabadão Concurseiro começou às 9h, na Unidade Silvio Botelho, localizada na rua Solón Rodrigues Pessoa, zona Oeste. Para ela, todo o esforço valeu a pena e, mesmo nesta idade, ainda sonha em se tornar servidora efetiva. Com o salário atrasado há seis meses, ela ocupa o tempo na busca de mais conhecimento.

“Pela minha falta de dinheiro, onde tem aula gratuita aproveito para estudar para adquirir conhecimentos para quem sabe, futuramente, eu seja aprovada em algum concurso público. É a primeira vez aqui na Escola do Legislativo e estou adorando, bom professor, bom local, até material para estudar eu recebi”, contou a auxiliar de serviços gerais.

O II Sabadão Concurseiro reuniu em um só local, das 9h as 13h30, professores de áreas distintas com conteúdos voltados para concursos públicos, entre eles o da Assembleia Legislativa de Roraima que está com inscrições abertas até o dia 2 de maio pelo site da Funrio (www.funrio.org.br).

Com a temática sobre conceito e fonte do Direito Administrativo, baseado no edital do concurso do Poder Legislativo, o professor Adir Munhoz mostrou que é possível absorver o tema, visto por muitos como difícil, de uma maneira dinâmica e prática. Para ele, os aulões servem para complementar os estudos daqueles que frequentam um preparatório regular na Escola do Legislativo ou em outra instituição, bem como em casa.

“Trouxemos para cá dicas pontuais para concursos públicos. É bom no sentido de visar questões específicas”, disse Munhoz. Mas, para garantir a tão sonhada estabilidade, os candidatos precisam de preparo. “A pessoa não vai se preparar exclusivamente pelo aulão. O aulão só vai acrescentar, é algo que pode fazer a diferença, mas é importante que ele estude em casa ou nos cursos regulares ofertados aqui na Escola do Legislativo”, complementou.

Quem perdeu a edição deste sábado, a notícia é a continuidade do Sabadão Concurseiro até as vésperas do concurso da Assembleia Legislativa, que acontecerá em 24 de junho deste ano. A coordenadora da Unidade Silvio Botelho, professora Maria Cristina de Melo, falou que essa iniciativa atende as demandas apresentadas pela comunidade em geral. “Nós sabemos que muitos alunos não têm tempo durante a semana e aproveita o sábado ou domingo para se preparar melhor dentro de toda a nossa proposta, das disciplinas de raciocínio Lógico, Direito Administrativo e Constitucional, e Português”, pontuou. As inscrições podem ser feitas durante toda a semana, das 8h às 22h, ou até o dia do evento.

CONCLUSÃO – Ainda neste sábado, cerca de 300 alunos de cursos de capacitação da Escola do Legislativo – Cursos Preparatórios, Unidade Silvio Botelho, receberam o certificado de conclusão nas áreas de Auxiliar Administrativo, Técnica de Vendas, Arte de Falar em Público, entre outros.

O servidor público Jailson Morais Chaves garantiu que a preparação contribuirá em melhorias no ambiente de trabalho. “O curso Arte de Falar em Público vai me ajudar a melhorar a dicção, a oratória, ter postura e comportamento. Já o curso de Auxiliar Administrativo é importante porque vai ajudar na confecção de documentos, pois nós que trabalhamos em órgãos públicos, sempre mexemos com documentos e agora farei com responsabilidade e domínio”, afirmou.

De acordo com o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Jalser Renier (SD), tanto a entrega de certificados como a realização do Sabadão do Concurseiro são resultados do esforço de um trabalho em equipe. “Essa nossa iniciativa é um incentivo muito grande que estamos dando para as pessoas que precisam”, concluiu o parlamentar.

Por Yasmin Guedes

SupCom/ALE-RR