O presidente da Roraima Energia, Orsine Rufino de Oliveira, será convocado para prestar esclarecimentos na Assembleia Legislativa sobre o fornecimento de energia elétrica no Estado. A medida atende a um pedido do deputado Renato Silva (Republicanos), e foi aprovada pelos demais parlamentares em Plenário nesta quarta-feira (21).
Renato Silva explicou que um dos assuntos a serem tratados é a lei estadual que proíbe o corte do fornecimento de energia elétrica por falta de pagamento durante a pandemia. Segundo o deputado, a norma não está sendo cumprida pela empresa.
O parlamentar pontuou que há outros questionamentos ainda mais complexos. “A Roraima Energia não está cumprindo nem a lei, nem o contrato de concessão com o Estado, quando ela comprou no leilão. Tem um acordo obscuro também, em que o Estado abriu mão de mais de meio bilhão de reais. Lembrando que a Roraima Energia está usando a estrutura da Cerr [Companhia Energética de Roraima]. Então é um assunto muito mais complexo a ser tratado e nós parlamentares e a população precisamos de esclarecimentos”, denunciou.
O presidente da Casa, deputado Soldado Sampaio, chegou a sugerir a oitiva nas comissões de Defesa dos Direitos do Consumidor e na de Administração e Serviços Públicos, para dar celeridade ao pedido, considerando que as sessões plenárias estão ocorrendo apenas às quartas-feiras. Mas o autor do requerimento preferiu que a audiência fosse realizada em Plenário. “Vamos encaixar, na primeira oportunidade, a convocação do senhor Orsine Rufino para prestar informações em Plenário”, disse o presidente.
Outros requerimentos
O Plenário da Assembleia Legislativa também aprovou, nesta quarta-feira (21), o requerimento apresentado pelo deputado Nilton Sindpol (Patri), para que a Casa solicite informações da Secretaria Estadual de Segurança Pública (Sesp) sobre a aplicação de recursos do Fundo Estadual de Segurança Pública (Fesp).
Outros dois requerimentos, apresentados pelo deputado Neto Loureiro (PMB), pedem que o Governo do Estado dê informações sobre quantitativo, material e previsão para a realização de cirurgias neurológicas e ortopédicas.
A Casa também homenageou, por meio de moção de aplausos, os profissionais de saúde do Hospital de Campanha, proposição apresentada pela deputada Tayla Peres (PRTB); aos  profissionais da saúde de Roraima pela passagem do Dia Mundial da Saúde, iniciativa do deputado Eder Lourinho (PTC); e tributo aos policiais civis e militares, iniciativa da deputada Betânia Almeida (PV).
Texto: Yana Lima
Foto: Tiago Orihuela/ Jader Souza/ Marley Lima
SupCom ALERR