Pular para o conteúdo

ENTREVISTA À RÁDIO FOLHA
Superintendente de Programas Especiais da Assembleia Legislativa de Roraima fala sobre atendimentos à população

O superintendente de Programas Especiais da Assembleia Legislativa de Roraima (ALE-RR), Marcelo Nunes, concedeu uma entrevista neste domingo (7), às 10h, à Rádio Folha – 100,3 FM. Ele participou do programa Agenda da Semana, comandado pelo empresário e radialista Getúlio Cruz. Foram aproximadamente 60 minutos de conversa sobre os programas que compõem a nova Superintendência da Casa Legislativa. 

 

Marcelo começou explicando o que é a Superintendência de Programas Especiais e como ela atua no atendimento à população de Roraima. Segundo ele, por meio de um decreto, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Soldado Sampaio (PCdoB), e a nova Mesa Diretora da Casa deram segurança a todos os programas do Legislativo estadual, tornando-os permanentes, independentemente da gestão que assuma.  

 

De acordo com o superintendente, são nove programas que fazem parte da pasta: Escolegis (Escola do Legislativo); Procon Assembleia; Chame (Centro Humanitário de Apoio à Mulher); Centro de Convivência da Juventude; Fiscaliza; Centro de Documentação e Acervo Histórico; Centro de Direitos Humanos e Cidadania; Centro de Atendimento Comunitário; e o CAM (Centro de Apoio aos Municípios). Marcelo Nunes deu destaque importante ao novo programa, que é o Centro de Convivência da Juventude. 

“Ele tem uma unidade descentralizada, funciona na Avenida Ataíde Teive, [3.510] bairro Buritis. E lá, nós temos uma vasta programação de atividades. Encerramos na sexta-feira [5] as inscrições para atividades como dança de rua, zumba, coral, aulas de instrumentos musicais, atividades aeróbicas, grafite, além de futebol, futsal, voleibol, basquete, entre outros, tanto na capital como no interior”, disse Nunes. 

 

Ao longo da entrevista, ele detalhou cada programa que compõe a superintendência e explicou como a população de Roraima tem sido beneficiada. Ele esclareceu que todo o trabalho é realizado com recursos da própria Assembleia Legislativa e que para tudo que está programado há orçamento garantido. Ainda, segundo ele, existem parceiros, inclusive, voluntários, que apoiam a realização das atividades. 

 

O superintendente agradeceu o espaço concedido pela Rádio Folha para falar sobre o trabalho realizado nos últimos meses. “Quero agradecer também o presidente Sampaio e a Mesa Diretora por oportunizar esses programas à nossa sociedade, especialmente aos nossos jovens, nossas crianças, que tinham dificuldade de acessar determinadas atividades, e a Assembleia, por meio da Superintendência de Programas Especiais, tem essa possibilidade de levar à capital e ao interior programas que vão ajudar muito na formação do cidadão.” 

 

Os atendimentos da superintendência são presenciais, no prédio localizado na Avenida Ataíde Teive, 3.510, bairro Buritis, em Boa Vista. Mais informações podem ser obtidas no site da Assembleia Legislativa (al.rr.leg.br) ou nas redes sociais. O endereço é @assembleiarr.  

Texto: Angra Soares 

Foto: Eduardo Andrade 

SupCom ALE-RR 

Compartilhar

Notícias Relacionadas

Arquivos

0