Pular para o conteúdo

CIDADANIA
Call Center da Assembleia Legislativa registrou mais de 1,6 mil atendimentos em 2021

Criado para dar mais transparência e facilitar o acesso dos cidadãos aos serviços legislativos, o Call Center da Assembleia Legislativa de Roraima (ALE-RR) recebeu, de 19 de abril até 28 de dezembro deste ano, 1.620 ligações.

Pelo telefone (95) 3198-1600, a população tem a oportunidade de exercer a cidadania dirimindo dúvidas, fazendo denúncias e até dando sugestões. Durante este período, foram contabilizadas, em média, de 9 a 11 ligações diárias.

No topo das demandas, está o pedido de informações sobre andamento dos processos referentes às rescisões contratuais, seguido de solicitação dos números dos gabinetes dos deputados e dos setores do Poder Legislativo, e ainda sobre como se inscrever nos cursos da Escolegis (Escola do Legislativo).

As denúncias de violência contra a mulher, voltadas ao CHAME (Centro Humanitário de Apoio à Mulher), também foram destaque no Call Center, bem como direitos do consumidor, com as reclamações e pedidos de ajuda feitos ao Procon Assembleia.

A coordenadora da central de atendimento, Ilana Mourão, explicou que durante a ligação os atendentes fazem um cadastro do usuário com todas as informações. Esse procedimento tem como finalidade facilitar a relação do Legislativo com a população.

“Caso o cidadão ligue de novo para buscar informações sobre a demanda solicitada, e até queira fazer uma nova reclamação, já teremos todos os dados dele, reduzindo dessa forma o tempo de atendimento”, detalhou.

Todas as demandas recebidas pelo Call Center foram 100% resolvidas. “Temos o cuidado não somente de atender bem o cidadão, com a educação peculiar que exigem as relações de tratamento, mas principalmente resolver a demanda. Quando não conseguimos sanar o problema no momento da chamada, agendamos outro horário que seja melhor para o cidadão”, ressaltou Ilana.

O canal telefônico está disponível de segunda a sexta-feira, das 8h às 20h, sem intervalos. A ligação também é retomada quando há agendamentos ou as dúvidas não tenham sido totalmente sanadas.

Texto: Marilena Freitas

Foto: Marley Lima

SupCom ALE-RR

Compartilhar

Arquivos

0