Pular para o conteúdo

Devedores terão mais prazo para quitar débito com BANERR

“Eles terão a oportunidade, em mais de dois anos, de quitar essas dívidas”, Disse o parlamentar Gabriel Picanço.

Os deputados aprovaram na sessão plenária desta quarta-feira (17), na Assembleia Legislativa de Roraima, por 13 votos, o projeto de lei que altera o parágrafo único da Lei Estadual 1.038/16, sobre os parâmetros para remissão, negociação e parcelamentos de dívidas junto ao extinto Banco de Roraima (BANERR).

A aprovação permitiu a ampliação do prazo para renegociação de dívidas de um para dois anos. O projeto seguirá para sanção governamental. “O deputado Marcelo Cabral [PMDB] havia feito uma emenda onde dava o prazo de um ano, que expirou no dia 30 de abril e o banco ficou impedido de fazer a renegociação das dívidas”, explicou o autor da matéria, deputado Gabriel Picanço (PRB).

De acordo com informações do parlamentar, as dívidas junto ao extinto BANERR ultrapassam os R$ 30 milhões. A Lei garante ao cidadão o parcelamento e descontos que chegam até 50% no montante do débito. Para Gabriel Picanço, é importante prorrogar esse prazo para não prejudicar os cidadãos que tentam tirar o nome do vermelho. “Eles terão a oportunidade, em mais de dois anos, de quitar essas dívidas e ficarem isentos de qualquer outra impunidade que o setor financeiro venha a colocar”, completou. As negociações acontecem na Agência Desenvolve Roraima, na avenida Major Williams, próximo a igreja São Francisco.

Por Yasmin Guedes

SupCom/ALE-RR

Compartilhar

Notícias Relacionadas

Arquivos

0