A autora defendeu a instituição do programa em Roraima devido a situação preocupante de violência e tráfico de drogas próximo aos estudantes.

A deputada Aurelina Medeiros (PTN) apresentou a Assembleia Legislativa de Roraima (ALERR) nesta semana, um projeto de lei que institui o Programa Escolar de Acompanhamento Domiciliar (PEAD), voltado a alunos e familiares das escolas estaduais de Roraima.

Segundo dispõe a matéria, a intenção é identificar alunos com eventuais problemas domésticos, de dependência química ou inadequação psicológicas e otimizar, assim o convívio e o rendimento escolar. Para realizar esse processo, um Conselho Executivo deverá ser formado por profissionais em Educação.

O PEAD consiste ainda em elaborar cadastro dos alunos e de suas famílias; interagir com alunos e a família, por meio de contatos pessoais e reuniões periódicas; implementar, com auxílio de profissionais da área de saúde, medidas de combate à dependência química e alterações de cunho psicológicas; e apresentar mapas de evolução de aproveitamento escolar dos alunos para avaliar a eficiência do Programa.

A autora defendeu a instituição do programa em Roraima devido a situação preocupante de violência e tráfico de drogas próximo aos estudantes. “Nós temos um problema seríssimo. Semana passada, eu estive em duas localidades do interior onde você chega a ver escolas que não tem muro, os traficantes batendo nas vidraças das escolas para entregar drogas”, disse deputada Aurelina.

Além disso, a parlamentar comentou que os pais não têm participado da vida escolar dos filhos, o que prejudica o processo de aprendizado. “A gente sabe, temos um problema imenso de desagregação familiar, eu digo muito isso, os pais veem a escola como um refúgio para criação dos filhos”, complementou.

O projeto seguirá para apreciação dos demais deputados, em comissões, para, posteriormente, entrar na Ordem do Dia para votação em plenário.

Por Yasmin Guedes

SupCom/ALE-RR