Com cronograma corrido, a equipe técnica do Procon Assembleia, órgão de Defesa do Consumidor ligado ao Poder Legislativo em Roraima, tem atendido fornecedores de produtos e serviços com palestras gratuitas, voltadas à orientação sobre o Código de Defesa do Consumidor (CDC) a empresários e colaboradores.

Vendedor há mais de 18 anos na Loja Vimezer, Jeziel Maciel da Silva, juntamente com outros profissionais da empresa, participou de palestra promovida pelo Procon Assembleia na noite dessa quinta-feira (25), com intuito de conhecer mais sobre os direitos e deveres do cliente e do local de trabalho.

Entre as dúvidas apontadas pelo vendedor está o direito a troca de produtos. Segundo ele, quando algum item apresenta avaria de fábrica ou ocasionado na própria loja, a obrigação é trocar o produto. “Mas quando o defeito acontece com o cliente, se ele feriu a embalagem ou não, a loja vai ter que analisar e entrar em contato com a fábrica. Nosso objetivo aqui é sanar o problema do cliente”, disse da Silva.

Quando alguma dúvida aparece, o jeito é recorrer ao gerente para que apresente a solução mais viável nessa relação de compra e venda. Por isso a realização da palestra pelo Procon Assembleia foi importante para responder a questionamentos de vendedores e conferentes participantes do encontro.

Essa iniciativa partiu do gerente de vendas Kléber Rodrigues. Contou que ao buscar o Procon Assembleia para resolver uma situação particular, conheceu o serviço educativo da instituição e decidiu por levar até a empresa onde trabalha. “Achei interessante ter essa palestra na empresa para tirarmos um pouquinho das dúvidas que nós temos, até mesmo os direitos do consumidor, o direito da própria empresa em agir em certos momentos”, frisou.

Rodrigues lembrou que há algum tempo a dúvida mais latente entre os funcionários era quanto a venda fracionada de alguns produtos. “Um exemplo, a gente vende aquelas buchas em quantidade de cento, mas na verdade pode ser vendida a unidade. Tivemos essa dúvida se podia abrir o pacote ou não. Agora sabemos que podemos abrir e vender por unidade”, contou. Para o gerente de vendas, ações como essa agregam valor a forma de atendimento entre o consumidor e a empresa.

Os funcionários da empresa Vimezer, localizada na avenida São Sebastião, no bairro Santa Tereza, zona Oeste de Boa Vista, receberam informações e material informativo sobre direito a troca, promoções, prazo de entrega fornecido pela empresa, venda de produtos em fração, entre outros. O advogado do Procon Assembleia, Samuel Weber, foi o responsável pela palestra.

A diretora do órgão de Defesa do Consumidor do Poder Legislativo, Eumaria Aguiar, frisou que esse tipo de ação será cada vez mais intensificada em 2018, principalmente para atender a demanda crescente de empresas que desejam ofertar esse tipo de capacitação aos colaboradores.

“Oferecemos essas palestras, eles estão indo buscar com o intuito de diminuir esses conflitos na relação de consumo. Eles querem é ter uma relação boa. Querem vender e o consumidor quer ser bem atendido. O objetivo é, realmente, buscar esse equilíbrio e a Assembleia tem feito esse trabalho de levar as palestras até as lojas”, falou Eumaria Aguiar.

Empresas de quaisquer segmentos podem solicitar as palestras do Procon Assembleia por meio de ofício, endereçado a sede localizada na rua Agnelo Bittencourt, nº 216, no Centro, de segunda a sexta-feira, das 7h30 as 13h30 (horário excepcional de janeiro), além de buscar mais informações no 98401-9465.

De acordo com a diretora, cada funcionário de determinados empreendimentos apresenta um tipo de dúvida específica. A exemplo, contou que em lojas de móveis e eletrodomésticos a situação mais questionada é quanto a prazo e condições para troca, em venda de celulares, geralmente a dúvida é quanto a vício ou defeito, em loja de departamento, há perguntas sobre a venda de planos de saúde ou seguros e o direito a arrependimento.

“A gente tem trabalhado muito isso e é bom porque explanamos bastante o CDC, eles enquanto vendedores, eles também são consumidores e o conhecimento vai se expandindo”, destacou Eumaria.

Por Yasmin Guedes

SupCom/ALE-RR