“Tenho certeza que amanhã seremos melhores que ontem, após a palestra do Procon Assembleia!”. A declaração do coordenador de Relações Humanas, Arthur Henrique Vieira, 26 anos, expressa bem o sentimento de 120 colaboradores que trabalham diretamente no setor de vendas do Grupo Perin, os quais tiveram no início da noite desta quarta-feira, 06, a oportunidade de tirar dúvidas relacionadas ao Código de Defesa do Consumidor, legislação que estabelece as normas de proteção ao consumidor.

A palestra foi sugerida pelo próprio Procon Assembleia, que está empenhado em equilibrar as relações de consumo entre fornecedores e consumidores. “Como já tínhamos essa necessidade, essa busca por melhoria em entender melhor os nossos clientes, essa palestra caiu como uma luva, porque esclareceu muitas dúvidas, somou conhecimento para os nossos funcionários. O conteúdo apresentado, as perguntas que surgiram foram de suma importância e as respostas esclarecedoras. Depois desse encontro, acredito, já não iremos mais pecar em pequenas coisas que hoje aprendemos porque a palestra foi muito produtiva”, reforçou Vieira, que está há oito anos no Grupo Perin e já ocupou vários cargos.

A caixa Marineuza Vera Nogueira, 29 anos, disse que as informações obtidas permitirão um melhor atendimento ao cliente. “No caixa é onde se conclui a venda, então as dúvidas com relação a troca de mercadorias foram bem esclarecidas. Existe cliente que vai pagar uma prestação, mas esqueceu o carnê e acaba pagando a parcela errada e depois temos que dar baixa, proceder a troca das parcelas. Muitas vezes isso causa constrangimento”, ressaltou.

Para o vendedor Wesley do Nascimento, 20 anos, que está há três anos nessa função, a palestra abriu um leque de conhecimento. “Não somente com relação ao Código de Defesa do Consumidor, mas também trouxe segurança trabalhista para o empregado, que, ao conhecer as leis, poderá ter uma posição firme, ao informar o consumidor com segurança, inclusive em situações em que for pego de surpresa”, afirmou, ao salientar que muitos consumidores traçam uma estratégia para intimidar o vendedor na hora de cobrar os direitos.

A diretora do Procon Assembleia, Eumária Aguiar, disse que o órgão de defesa e proteção ao consumidor do Poder Legislativo continuará, por meio das palestras, buscando que as relações consumeristas sejam harmoniosas entre as duas partes. “Nossas palestras têm o intuito de esclarecer fornecedores e consumidores para que possam atender melhor e vender mais. O principal foco do Procon é o equilibro nas relações, que o fornecedor cumpra a sua parte e que o consumidor seja atendido nos seus direitos”, enfatizou.

 

Por Marilena Freitas

SupCom/ALE-RR