A Procuradoria Especial da Mulher, da Assembleia Legislativa de Roraima, participa nesta quinta (25) e sexta-feira (26) do Seminário Intersecionalidade Gênero e Raça – Construindo Crítica Coletiva e Criticamente o Acesso à Justiça e os Direitos das Mulheres, promovido pela Defensoria Pública do Estado.

O encontro é realizado em alusão ao Dia da Mulher Negra Latino Americana e Caribenha, nesta quinta-feira. A procuradora Especial da Mulher, deputada Lenir Rodrigues (Cidadania), destacou a importância do evento que reúne mulheres de vários estados brasileiros para troca de experiências. “Ouvindo a realidade de cada região, podemos pensar juntas em ações que possam ser implementadas no combate à violência doméstica em nosso Estado”.

A deputada Betânia Almeida (PV), que preside a Comissão da Mulher na Assembleia Legislativa, falou sobre a preocupação do Poder Legislativo no combate a esse tipo de violência. “Nosso presidente, Jalser Renier, tem uma visão voltada ao combate à violência doméstica. Ele tem se preocupado realmente para que a gente faça um trabalho efetivo na periferia e nos municípios do Interior, para conscientização e resgate dessas mulheres”.

A coordenadora do Núcleo de Mulheres na Política, da Assembleia Legislativa, Bruna Silveira, participou da capacitação e destacou a importância do evento para toda a rede de proteção. “Precisamos tratar os desiguais como iguais. Essa troca de conhecimento é importante para sabermos como ajudar ainda mais as mulheres no combate a qualquer tipo de violência ou preconceito”.

A escolha de Roraima para sediar esse evento não foi por acaso. Segundo a defensora pública Jeane Xaud, o fato de o Estado estar em destaque no mapa nacional do feminicídio tem preocupado as instituições que combatem esse crime. “Estou feliz em receber profissionais tão gabaritados em nosso estado. Eles vieram conhecer nossa realidade e compartilhar experiências com os nossos profissionais que atuam na rede de proteção.

O evento faz parte da 2ª Reunião Ordinária da Comissão dos Direitos da Mulher da Anadep (Associação Nacional das Defensoras e Defensores Públicos) e 2º Encontro da Coletiva de Mulheres Defensoras Públicas do Brasil. O encontro é realizado no auditório da Defensoria Pública do Estado.

Texto: Sueda Marinho

Foto: Alex Paiva

SupCom ALE-RR