Pular para o conteúdo

RETRATO DE VIDAS COMUNS
Minidocumentário da TV Assembleia exibe assistência do Poder Legislativo durante pandemia

Ruas vazias, lojas fechadas, medo de sair de casa. Essas foram algumas das consequências trazidas pela pandemia, com impactos negativos na cultura, política e economia. A Superintendência de Comunicação da Assembleia Legislativa lançará nesta segunda-feira (25) um minidocumentário que mostra como autônomos e microempresários sobreviveram a essa crise.

A reportagem especial será transmitida pela TV Assembleia, canal 57.3, às 13h30, com reprise às 17h, 19h30 e 21h30, e conta a história de Jucileide Reis, dona de casa, Lúcia Bezerra, empreendedora na área de decoração de festas, Gilson Celino, vendedor, e Nelson Martins, gerente de supermercado. As ocupações são diferentes, mas eles tiveram em comum a interrupção dos sonhos.

O marido de Jucileide ficou desempregado, com duas filhas para sustentar e sem perspectiva de uma vaga de trabalho. A organizadora de festas Lúcia Bezerra ficou sem pagar aluguel, demitiu funcionários e precisou da ajuda de familiares para se manter. Nelson Martins, proprietário de supermercado, viu as vendas diminuírem, e Gilson Celino fechou o restaurante, que era a fonte de renda da família.

Foi quando os poderes Legislativo e Executivo se uniram para aprovar as leis que instituíram o “Renda Cidadã” e o “Auxílio Empreendedor”, que beneficiaram várias famílias, dando a elas a esperança de dias melhores e de reerguer os empreendimentos.

O Auxílio Empreendedor destinou R$1,5 mil para trabalhadores autônomos, microempreendedores individuais e agricultores familiares que se encontravam em vulnerabilidade econômica. Já o Renda Cidadã, ajuda famílias com um cartão-alimentação no valor de R$200 reais.

O presidente da Assembleia Legislativa, Soldado Sampaio (PCdoB), falou da satisfação de participar dos programas. “Aprovamos projetos de lei, emendas, acrescentamos sugestões vindas da sociedade, de entidades de classe, o que permitiu que estendêssemos a mão para quem mais precisa, as vítimas da pandemia”.

“Não podíamos sair de casa para evitar contato em razão da pandemia. O que nos ajudou foi o apoio do cartão-alimentação. Parecia pouco, mas era com o que comprávamos o frango e o arroz. Foi uma grande ajuda”, disse a dona de casa Jucileide Reis, uma das beneficiadas com o Renda Cidadã.

Mais de 700 estabelecimentos em todo o Estado foram credenciados para aceitar o cartão do Renda Cidadã. A iniciativa aumentou diretamente o poder de compra da população e movimentou a economia local. Nelson Martins, gerente de um supermercado localizado na zona Oeste de Boa Vista, afirmou que o cartão gerou um crescimento de quase 30% nas vendas mensais no empreendimento dele.

Willians Dias, repórter da TV Assembleia, foi quem produziu o minidocumentário e conta um pouco como foi a experiência. “Ouvimos várias pessoas para entender a necessidade vivida durante uma época tão difícil, a pandemia, e tentamos retratar como a vida de pessoas comuns mudou com a aprovação das leis que autorizaram os auxílios”.

Texto: Amanda Teixeira

Foto: Reprodução TV Assembleia

SupCom ALE-RR

Compartilhar

Notícias Relacionadas

Arquivos

0