Skip to content

OPERAÇÃO SHAMAR
CHAME e PM unem forças no combate à violência doméstica

Uma parceria do CHAME (Centro Humanitário de Apoio à Mulher) da Procuradoria Especial da Mulher (PEM) da Assembleia Legislativa de Roraima (ALE-RR) com a Polícia Militar (PM) resultou numa panfletagem no final da tarde desta segunda-feira (28), com o intuito de combater à violência doméstica e familiar.

Os condutores que passavam pelo sinal que fica em frente à Casa Legislativa eram abordados por policiais militares e a equipe do CHAME com distribuição de panfletos informativos sobre a rede de proteção às mulheres no Estado.

 

A policial militar Rose Ferreira exaltou a união das instituições no combate à violência contra às mulheres. “Esse tipo de crime é muito comum na sociedade, principalmente na roraimense, então a gente tem que estar atento mesmo e, nada melhor do que unificar forças”, disse.

 

O servidor público Jhonatan Santil também compartilhou da mesma opinião. “É muito importante porque a gente precisa de todas as instituições juntas, combatendo esse crime, que é uma coisa que afeta muito a nossa sociedade, especialmente as mulheres que não têm voz”, justificou.

A união de forças faz parte de uma campanha do governo federal articulada pelo Ministério da Justiça por meio da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp) que envolve a Polícia Militar de todas as unidades da Federação.

A Operação Shamar, que, em hebraico, significa ‘guardar’, ‘proteger’ e ‘cuidar’, tem por finalidade o combate à violência e ao feminicídio. Ela foi deflagrada nacionalmente no dia 21 de agosto e segue até o dia 15 de setembro.

Em Roraima, a PM enviou ofício à Procuradoria Especial da Mulher solicitando a parceria, bem como materiais informativos como folders, banners e faixas, além de apoio da equipe do CHAME, que explicou aos motoristas os tipos de violência, o que é a rede de proteção e como denunciar esses casos.

A diretora da Procuradoria Especial da Mulher, Glauci Gembro, destacou que ações conjuntas são importantes no combate e prevenção à violência contra a mulher. “Nesse primeiro momento eles pediram o apoio da Procuradoria da Mulher para a entrega de material informativo e orientações sobre os tipos de violência. É mais uma instituição que se une à Procuradoria, que se une à Assembleia Legislativa para trabalhar em parceria. Quando as instituições se unem para fazer um trabalho em conjunto, o trabalho fica muito maior”, destacou a diretora.

O objetivo principal da ação, de acordo com o tenente-coronel Igo Maiko Evangelista, subcomandante do Policiamento da Capital, é a proteção e o combate à violência doméstica e familiar, como também ao feminicídio. “Nosso foco é a união de todas as forças de segurança para realizar a proteção. Quando a Polícia Militar atua sozinha no combate à violência doméstica, se torna mais difícil. Então nosso objetivo é trazer todos os órgãos para participar desse combate”, explicou.

Conforme destacou, a principal dificuldade encontrada pelos policiais ao atender uma ocorrência envolvendo violência doméstica é a mulher entender que ela é vítima, naquele ambiente familiar. “Quando ela entende que é vítima de determinados crimes, facilita o serviço policial porque ela pode denunciar por meio dos telefones 181 e o 190. Ao acionar a PM, ela será prioridade no atendimento”, ressaltou.

 

Acolhimento e orientação

A diretora da PEM, Glauci Gembro, ressaltou que o CHAME está sempre de portas abertas, com uma equipe multidisciplinar para acolher, ouvir e orientar a vítima, bem como encaminhá-la a outros órgãos quando existir essa necessidade.

A Procuradoria Especial da Mulher funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, nos seguintes endereços: Avenida Santos Dumont, 1470, bairro Aparecida, em Boa Vista, e na Rua Senador Hélio Campos, sem número, BR-174, no município de Rorainópolis. O atendimento também é feito pelo ZapChame (95 – 98402-0502), durante 24 horas, inclusive aos domingos e feriados.

Texto: Marilena Freitas

Fotos: Eduardo Andrade

SupCom ALE-RR

Compartilhar

Arquivos

banner assembleia 120x240
banner assembleia 125x125

Notícias Relacionadas