A proposta é transformar estes cidadãos em líderes multiplicadores dentro da própria comunidade.

A Procuradoria Especial da Mulher, da Assembleia Legislativa de Roraima (ALERR), em parceria com o Movimento Bandeirantes, promoverá a segunda etapa de capacitação do programa ‘Livre para ser eu mesmo’. Será neste sábado (10) e domingo (11), no sítio Marajoarinha, localizado na região da Água Boa, na zona Rural de Boa Vista. Participam, desse esta sexta-feira, 9, 25 moradores da Vila Vilhena, da cidade de Bonfim, situada a 125 quilômetros da Capital.

O encontro terá início às 7h30, com intervalo para almoço e continuidade no período da tarde, nos dois dias. A finalidade é levantar questões relacionadas a autoconfiança e a autoestima de jovens e adultos. Participarão ainda servidores da Procuradoria e Bandeirantes.

A primeira etapa aconteceu no último final de semana do mês de abril, naquela localidade, em que todos puderam compartilhar informações sobre igualdade de gênero, violência contra mulheres e exploração sexual de crianças e adolescentes. A proposta é transformar estes cidadãos em líderes multiplicadores dentro da própria comunidade.

“Queremos empoderar a autoconfiança e a autoestima das pessoas, quebrar tabus em relação ao corpo, tabus estes impostos pela sociedade sobre certo padrão de beleza e esse programa vem para dissolver visões estereotipadas”, disse a coordenadora do Movimento Bandeirantes, Naiara Queiroz.

Para a diretora administrativa do Centro Humanitário de Apoio à Mulher (CHAME), Ana Nattrodt, essa parceria leva muitos benefícios a população, como o desenvolvimentos de projetos sociais, a exemplo do ‘Livre para ser eu mesmo’ e o ‘Tesouro das Letras’, propiciado pelo Movimento Bandeirantes. “A parceria da Procuradoria Especial da Mulher com o Movimento é muito importante porque alcança comunidades indígenas, cidades do interior, independente do lugar, dá bons frutos”, destacou.

Por Yasmin Guedes

SupCom/ALE-RR