Pular para o conteúdo

Foco na economia atraem mulheres para confecção de ovos de Páscoa

Em Caracaraí, cidade ao Centro-Sul do Estado localizado a 170 quilômetros de Boa Vista, 20 mulheres participaram nesta semana de uma oficina para confecção de ovos de chocolates no Núcleo da Assembleia Legislativa, na rua Presidente Kennedy, nº 1.151, no Centro.

Com foco na economia para atender filhos e netos, a professora Rose Macedo Costa foi uma das participantes e ressaltou a importância desse tipo de atividade para comunidade, uma vez que em Cararacaí os chamados ‘Ovos de Colher’ são novidades. “Acredito que todas as colegas pensam dessa forma. Vou aproveitar a Páscoa para aumentar a renda familiar e nossos filhos terão a oportunidade de ter em mãos algo que não poderíamos comprar”, acrescentou ela.

Devido a aproximação da data festiva, a professora pretende aplicar as técnicas em vendas no futuro. “Porque as dificuldades são tantas e como temos filhos, netos, então é mais fácil eu fazer porque fica mais barato”, falou, ao ressaltar que este tipo de curso abre as portas para todos, incluindo os jovens.

A chegada de atividades esportivas, educacionais e voltadas a capacitação profissional em Caracaraí, contou Rose, foi essencial para tirar muitos jovens da ociosidade. Ela tem um filho com 9 anos matriculado no Futebol do programa Abrindo Caminhos e declarou o desenvolvimento do garoto. “Ele ficava ocioso no horário da tarde, com essa idade eles são muito ativos. Ele escolheu futebol, é tudo que ele gosta de fazer, está amando isso”, citou.

Doceira e confeiteira, a instrutora da Oficina de Ovos de Páscoa, Clara Arruda de Freitas, ensinou às participantes alguns procedimentos básicos para elaboração da iguaria típica nesta época. “Esse curso é muito porque elas podem trabalhar em casa, podem fazer os ovos em casa e vender e é um meio de renda”, complementou. Além do manuseio, Clara preparou os quatro principais recheios para os ‘Ovos de Colher’: Ninho com Nutella, o de maracujá, brigadeiro tradicional e o de biscoito Oreo.

De acordo com a instrutora, desde o ano passado os ‘Ovos de Colher’ tem ganhado o gosto popular e podem ser comercializados em vários tamanhos, com variados sabores e acompanhamentos. “Elas podem adicionar bombons, chocolates, frutas, transportados em uma embalagem e sempre acompanhado de uma colher”, explicou.

Em pesquisa no mercado local, em média é cobrado por um ‘Ovo de Colher’ simples cerca de R$ 20 a R$ 30 para o tamanho de 250g. Nas lojas especializadas, este produto custa em torno de R$ 53.

Por Yasmin Guedes

SupCom/ALE-RR

Compartilhar

Notícias Relacionadas

Arquivos

0