Entrar no tatame para competir pela primeira vez e ainda conquistar medalha de ouro é para quem nasceu com talento e determinação para o esporte. Este é o caso da atleta de jiu-jítsu do programa Abrindo Caminhos da Assembleia Legislativa de Roraima, Liandra Cruz, de 09 anos, que conquistou o ouro na terceira edição da Copa Vavá de Jiu-Jitsu, realizada nos dias 7 e 8 de abril, na Vila Olímpica Roberto Marinho.

Liandra e mais nove competidores com idades entre 07 e 17 anos, conquistaram dez medalhas, sendo cinco de ouro e cinco de prata. Esses atletas são moradores de Alto Alegre, interior de Roraima e realizam os treinamentos na sede do Núcleo da Assembleia naquele município.

“Meu coração está acelerado e eu luto para ganhar, mas sei que no esporte podemos vencer ou perder, mas por isso eu treino bastante”, disse Liandra.

A assistente administrativa Lidiana Cruz, 35, é a mãe da Liandra, e revela que participar deste momento da filha é gratificante. “Estou feliz por essa oportunidade. O Abrindo Caminhos em nossas vidas é a porta para muitos sonhos, meu coração está em festa”, comemorou.

Leanderson Eduardo da Silva, 10 anos, também conquistou medalha de ouro e fala da alegria e sobre o que o esporte representa para ele. “Eu nem dormir direito só pensando na competição e me esforcei muito para ganhar”, contou animando o atleta.

O professor de jiu-jitsu do Núcleo da Assembleia em Alto Alegre, Leandro Pacheco, explica como o esporte e a disciplina andam lado a lado para conquistar resultados positivos. “São atletas que têm interesse em competir e eles treinam forte. Ganhar medalhas é importante e um incentivo para eles continuarem trilhando o caminho do bem por meio do esporte”, explicou o treinador desses meninos e meninas que vieram à Boa Vista participar do campeonato.

Bruno Romão também faz parte do Abrindo Caminhos e comanda a turma de atletas do programa em Boa Vista, e também é vice-presidente da Federação de Jiu-Jitsu do Estado de Roraima (FJJERR). Conta o que o programa representa na vida dessas crianças. “Está abrindo portas para estas crianças e adolescentes, pois esse esporte é uma arte que está crescendo no Brasil e em Roraima não está sendo diferente. Esses atletas estão apenas iniciando uma caminhada que pode ser de muito sucesso”, completou.

No Núcleo da Assembleia em Alto Alegre participam 150 atletas, das aulas de jiu-jítsu, por meio do programa Abrindo Caminhos. O Núcleo, situado na rua João XXIII, Centro, oferece ainda cursos de inglês, espanhol e informática, por meio da Escola do Legislativo, e atividades como coral e futebol. Também estão disponíveis a população os serviços de atendimento do CHAME (Centro Humanitário de Apoio à Mulher) e Procon Assembleia.

 

Por Tarsira Rodrigues

SupCom/ALE-RR