Foram ensinados os processos essenciais antes do preparo de uma refeição para torná-la saudável e evitar contaminações

Foto: SupCom ALERR

Descongelar a carne 10h antes do preparo final, lavar as mãos antes das refeições, higienizar utensílios e itens para consumo, observar a qualidade da água, adotar cuidados no preparo dos alimentos e, ao final, aprender receitas saudáveis para aplicar no dia a dia.

Assim foi a tarde desta quinta-feira (28) de 16 pais e mães de alunos do programa Abrindo Caminhos no município de Iracema, cidade a 75 quilômetros de Boa Vista. Ele participaram do curso Alimentação Saudável, oferecido pela Escola do Legislativo. As aulas foram ministradas pelo chef de cozinha Beto Belinni.

Antes de colocar a mão na massa, os alunos conheceram técnicas de higienização de instrumentos e alimentos, cuidados com a saúde em geral e a importância da ingestão de verduras, frutas e legumes e cuidados com consumo de açúcar e sal.

De olho em todas as explicações, a dona de casa Josenice Martins dos Santos disse que é essencial que as pessoas estejam atentas ao correto manuseio durante o preparo dos alimentos. “É essencial esse cuidado para saúde, pois assim evitamos contaminação com bactérias e microrganismos pela comida”.

O instrutor Beto Belini explicou processos essenciais antes do preparo de uma refeição para torná-la saudável, não só da perspectiva calórica, mas também para evitar contaminações, nocivas principalmente às crianças e idosos, cujos organismos são mais vulneráveis. “As crianças são as mais prejudicadas porque o sistema imunológico ainda não está formado. Por isso, o cuidado deve ser redobrado.

Explicações feitas, foi a hora de seguir para cozinha. Para envolver a todos, o chef dividiu os grupos entre a salada e o bolo de casca de banana. Enquanto uns higienizavam as verduras, outros separavam os ingredientes nos recipientes já limpos e enxutos.

Esta oficina será realizada em Mucajaí no próximo sábado, 30, no Núcleo do Poder Legislativo, localizado na rua Padre Ricardo Silvestre, s/n, Centro. Segundo a diretora da Escola do Legislativo, Leila Perussolo, até setembro deste ano, outras unidades receberão esta capacitação.

“O Núcleo de Iracema é muito participativo e tem acompanhado gradativamente as famílias”, frisou Leila ao explicar que desta forma, são atendidas as necessidades da região por meio de cursos e capacitações voltadas ao mercado de trabalho e cuidados para família e negócios.

Yasmin Guedes

SupCom ALERR