A situação da saúde pública do Estado levou a deputada Betânia Almeida (PV) à tribuna da Assembleia Legislativa, nesta terça-feira (18). Entre os assuntos abordados durante o discurso, a parlamentar demonstrou preocupação a assistência no Hospital Geral de Roraima (HGR).

Na primeira visita realizada à maior unidade de saúde de Roraima, a deputada disse que ouviu relatos de pacientes e acompanhantes sobre a qualidade da alimentação. “Provei da comida servida àquelas pessoas, mas não consegui comer o frango e nem a comida temperada apenas com água e sal, pois estava com mau cheiro”, enfatizou.

Já na segunda visita ao hospital, a deputada afirma que o que mais chamou a atenção foi a estrutura do prédio. “Assisti ao desespero da população e dos funcionários tentando escoar a água dos corredores e leitos, que ficaram alagados por conta das chuvas”.

Segundo a parlamentar, a situação na saúde é desumana, pois são inúmeros problemas desde a estrutura até a falta de materiais. Ela pontuou que desta forma, a unidade não tem como abrigar a população e disse que isso representa a falta de responsabilidade do Executivo com relação à educação e segurança pública.

“A culpa é do Governo e o povo está querendo a verdade. Nas redes sociais, vemos apenas uma maquiagem da situação. Sabemos muito bem o que está acontecendo no nosso Estado. Roraima tem cura, são 24 parlamentares cobrando que o governador faça a gestão que disse que sabia fazer”, enfatizou Betânia.

Texto: Jéssica Sampaio

Foto: Alex Paiva

SupCom ALE-RR