As pessoas surdas poderão receber um atendimento acessível na Defensoria Pública do Estado de Roraima (DPE-RR), pois a Escola do Legislativo vai disponibilizar um curso virtual de Libras (Língua Brasileira de Sinais) para os servidores. As aulas serão dadas pela plataforma de ensino a distância com direito a certificação.

O curso será disponibilizado nesta semana. Os profissionais poderão acessar vídeos gravados pelo professor, apostilas e interagir por meio dos comentários. “Diante desse momento de isolamento, a Escola do Legislativo vai proporcionar esse curso a distância para que esses servidores de diversos setores da Defensoria Pública possam estar se capacitando através do curso de Libras, para um melhor atendimento da instituição.”, explicou a diretora da Escola do Legislativo, Cristina Mello.

As aulas são para os servidores que atuam no atendimento em sedes da Defensoria na capital e no interior. O assessor jurídico do Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional (CEAF), Vilmar Silva, explicou que a instituição presta assistência jurídica para pessoas fragilizadas, seja pela questão econômica ou social. Por isso, a unidade preocupa-se em prestar um acolhimento acessível para as pessoas com deficiência auditiva.

“Essa nossa dificuldade que temos aqui por enquanto em se comunicar bem com os surdos é uma dificuldade que precisamos corrigir. Então, essa parceria vai proporcionar para nós a oportunidade de se preparar para também atender a esse público que é um dever nosso.”

Essa não é a primeira vez que a Escola do Legislativo oferta cursos para a Defensoria Pública. No ano passado os servidores participaram das aulas presenciais de Espanhol e o Poder da Comunicação. Essa iniciativa é fruto de um termo de cooperação técnica firmado entre as duas instituições.

Texto: Vanessa Brito

Foto: Eduardo Andrade