Pular para o conteúdo

Programa Abrindo Caminhos encerra atividades do ano com aula híbrida

Os alunos do programa Abrindo Caminhos, da Assembleia Legislativa, tiveram a chance de matar a saudade das aulas presenciais antes do fim do ano. Desde março as atividades seguiram on-line, mas nesta terça-feira (15), 50 alunos puderam voltar à sede do programa para participar do encerramento das atividades do semestre.

Os alunos mais participativos nas aulas a distância puderam participar do encontro presencial, obedecendo todas as normas de segurança contra a covid-19.

Foram realizadas aulas de balé, teatro, ginástica rítmica, violão, informativa e jiu-jitsu. As aulas também foram transmitidas para os alunos que só poderiam acompanhar de maneira remota.

Há quatro anos a aluna Kayli Fernandes, de 17 anos, participa das aulas de teatro. Ela conta que no início foi complicado participar das aulas on-line, mas depois ela se adaptou, e mesmo a distância, foi possível manter o contato com as aulas. “Retornar hoje foi maravilhoso, apesar de que nem todos os colocar puderam estar aqui, foi bom poder vivenciar tudo presencialmente”.

O professor de informática, Eubert Botelho, conta que foi emocionante a possibilidade de poder ensinar as crianças presencialmente durante as aulas. “Nós conseguimos sentir a animação de todos, mesmo que tenha sido por um pequeno momento, isso só aumentou a vontade de voltar com as aulas presenciais”.

Segundo a diretora do programa Abrindo Caminhos, Viviane Lima, a possibilidade de ver a alegria nos olhos de cada criança foi um dos momentos mais gratificantes do encerramento das atividades. “Fizemos hoje uma programação representando aquilo que queríamos ter feito durante o ano todo, mas infelizmente não conseguimos devido a pandemia”.

Apesar das dificuldades enfrentadas no início do ano para realizar as atividades de maneira remota, a diretora explica que a persistência dos pais e dos alunos em continuar com as aulas foram a peça chave para que o programa não parasse, incentivando tanto os professores quanto a direção.

“A gente espera que no próximo ano tudo se resolva para que possamos retornar e realizar os sonhos das crianças e adolescentes que fazem parte desse projeto que a Assembleia Legislativa pode proporcionar por meio do programa Abrindo Caminhos”, completou.

Abrindo Caminhos

O Abrindo Caminhos é um programa da Assembleia Legislativa de Roraima que atende, atualmente, 2,8 mil crianças e adolescentes, entre 5 e 17 anos, com atividades como jazz, balé, karatê, jiu-jitsu, coral, violão, ginástica artística, teatro e informática, além de realizar atendimentos com psicólogos. Desde o início da pandemia, as atividades presenciais foram suspensas e o programa se adaptou para reproduzir as aulas de maneira on-line, por meio de vídeo aulas gravadas ou aulas simultâneas.

Texto: Mairon Compagnon

Foto: Jader Souza

SupCom ALE-RR

Compartilhar

Notícias Relacionadas

Arquivos

0