Pular para o conteúdo

DIA DO FEIRANTE – Éder Lourinho presta homenagem a trabalhadores de Roraima

O Dia do Feirante, comemorado nesta quarta-feira (25), foi tema do discurso do deputado Éder Lourinho (PTC) durante sessão plenária. Na tribuna, o parlamentar ressaltou a importância das feiras livres em Roraima e o papel econômico de destaque que elas têm, gerando emprego e renda.

“Tenho respeito, carinho e admiração pela classe. São pessoas que acordam de madrugada para levar alimento às mesas dos roraimenses. Tenho essa gratidão aos feirantes, pois meu pai é produtor rural e feirante. Desde pequeno, eu e meus irmãos participávamos dessa jornada. As feiras geram emprego e renda, e impulsionam a economia local, além de fazer uma transformação no fortalecimento das relações interpessoais, pois agrega vários negócios”, salientou.

Segundo o parlamentar, as feiras livres fazem parte da cultura do povo roraimense e são locais de distração e divertimento, onde predomina o caráter social, não se limitando ao mero fornecimento de alimentos para consumo.

Éder Lourinho destacou também a dificuldade dos feirantes em plena pandemia de Covid-19. “Todos eles ficaram prejudicados, perderam seus produtos. Com o confinamento imposto pelos decretos, foi um momento muito difícil para os feirantes”, explicou.

O parlamentar divulgou dados expressivos sobre a relação da agricultura familiar e as feiras livres em Roraima. “As feiras do nosso Estado, em especial a do Produtor, são as responsáveis pela venda de mais de 70% de todos os produtos vindos da agricultura familiar”.

Mais segurança

Na tribuna, Éder Lourinho cobrou mais segurança nas feiras da capital. O parlamentar já apresentou indicações ao Poder Executivo solicitando patrulhamento ostensivo, mas ainda não foi atendido.

“Visitei a Feira do Produtor e vi que eles [os feirantes] estão sofrendo por falta de segurança. São mais de 300 boxes, com um fluxo grande de pessoas. A insegurança afugenta os clientes”, ressaltou.

Éder Lourinho também cobrou da prefeitura de Boa Vista o patrulhamento ostensivo das feiras livres e o asfaltamento da rua que passa pelo entorno da feira.

Feira do Passarão

Há mais de três anos, os feirantes foram retirados para reforma do local. À época, as obras foram iniciadas, porém não foram concluídas. Preocupado com a situação, o parlamentar apresentou indicação ao Governo do Estado para que sejam retomadas.

“Fiquei muito feliz em saber que a nova Feira do Passarão será construída e, em 30 dias, ocorrerá a licitação. Participei das discussões do projeto, junto à Secretaria de Agricultura do Estado, que vai atender todos os setores, incluindo praça de alimentação, câmara fria e auditório. Esse novo local dará mais condições de trabalho aos feirantes”, afirmou.

Apartes

A deputada Tayla Peres (PRTB) prestou apoio aos feirantes e parabenizou os trabalhadores que atuam em feiras de rua.

“Sabemos que a classe é muito sofrida, pois eles acordam muito cedo, diariamente, para a labuta. Compramos de diversos feirantes e sabemos da luta de todos. É lá que encontramos os melhores preços”, afirmou.

O deputado Chico Mozart (Cidadania) seguiu a mesma linha e defendeu o trabalho dos feirantes. “Eles são trabalhadores que levam o alimento às nossas mesas, merecem respeito. Parabéns pela luta em defesa desses guerreiros, você faz parte dessa classe e sempre traz à tona assuntos pertinentes que beneficiam essa categoria”, disse.

Defensor da agricultura familiar e do homem do campo, o deputado Gabriel Picanço (Republicanos) solicitou ao Governo de Roraima e à Prefeitura de Boa Vista a participação efetiva de policiais militares e guardas municipais nas dependências das feiras para reforçar o policiamento ostensivo.

Texto: Kátia Bezerra
Fotos: Marley Lima/ Jader Souza
SupCom ALE-RR

Compartilhar

Notícias Relacionadas

Arquivos

0