Pular para o conteúdo

Evangelista Siqueira destaca iniciativas da Assembleia e chama atenção da sociedade para mês de prevenção do suicídio

O deputado Evangelista Siqueira (PT) chamou a atenção para os altos índices de suicídio em Roraima e destacou as iniciativas da Assembleia Legislativa ao iniciar as discussões da campanha “Setembro Amarelo”, mês dedicado à prevenção do suicídio e às ações de sensibilização sobre o tema. Na manhã desta quarta-feira (1º), ele conclamou a sociedade civil e os Poderes Públicos a se envolverem no debate.

Em 2019, de acordo com boletim do Ministério da Saúde, Roraima ocupou o segundo lugar no ranking nacional de pessoas que cometeram suicídio, proporcionalmente. Em uma década, entre 2007 e 2017, 7% dos casos de suicídio no país ocorreram no Estado.

Ao colocar em evidência os dados, o parlamentar conta que a temática passou a ser uma de suas bandeiras políticas, após ser questionado sobre o que a Assembleia Legislativa poderia fazer para mitigar esses altos números.

“Nós trouxemos à tona essa discussão aqui na Assembleia com mais força quando eu fui abordado por um pai desesperado que havia perdido o filho vítima de suicídio. Ele fez o seguinte questionamento: ‘deputado, o que o Poder Legislativo pode fazer para diminuir os índices de suicídio em Roraima, que legislações?’”, disse o deputado.

Com isso, surgiu a Lei nº 1.065/2016, de sua autoria, que criou a “Semana Estadual de Valorização da Vida e Prevenção ao Suicídio”, comemorado, anualmente, na semana que compreende 10 de setembro – Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio, data instituída pela OMS (Organização Mundial da Saúde). Desde então, o Poder Legislativo passou a ter programação específica.

“Hoje [1º de setembro], vamos participar do acendimento das luzes amarelas do prédio da Assembleia Legislativa em alusão à cor da campanha. Vamos ter também uma audiência pública para discutir os impactos da pandemia na saúde mental da população. E ainda outras ações de prevenção ao suicídio e a promoção de lives”, destaca o deputado sobre os eventos promovidos neste mês.

Evangelista Siqueira também saudou os trabalhos desenvolvidos por outros parlamentares no combate ao suicídio.

“Queria destacar também as ações de colegas, como as deputadas Catarina Guerra, Yonny Pedroso, Lenir Rodrigues, que também ajudaram na implantação do CVV [Centro de Valorização da Vida]”, reconheceu.

De acordo com ele, para reverter esse grave problema de saúde pública, é necessária a união das esferas públicas e de todos aqueles comprometidos com a causa.

“São dados alarmantes que precisam de respostas. E para combater essa triste realidade, somente a ação coletiva de todos os entes estaduais, municipais, da Assembleia Legislativa, sociedade civil, igreja, ou seja, todos aqueles que lutam para diminuir os casos no nosso Estado”, afirmou.

Texto: Suellen Gurgel

Foto: Marley Lima e Nonato Souza

SupCom ALE-RR

Compartilhar

Notícias Relacionadas

Arquivos

0