Pular para o conteúdo

SEMANA DO AUTISMO
Autistas compartilham experiências e desafios durante último dia de palestras

“A descoberta do autismo veio em razão do meu filho, que também é autista. Eu observava as coisas que ele fazia e me via naquelas mesmas situações”. Muito emocionado, o bioquímico Marcelo Oliveira, 31 anos, contou um pouco de sua história e a descoberta do transtorno, há apenas um ano.

 

Mesmo com o diagnóstico de autismo com alta funcionalidade, o impacto da notícia mexeu com Marcelo. “Isso significa que eu estou integrado à sociedade, estudei, me formei, construí minha família, mas sei que não é fácil, pois temos limitações e dificuldades”.

 

Esse foi um dos relatos emocionantes compartilhados por autistas e seus familiares nesta terça-feira (29) durante a programação da Semana do Autismo, promovida pela Assembleia Legislativa (ALE-RR) em parceria com o Instituto de Educação de Roraima (Ierr). O tema proposto “A pessoa com autismo, vivendo e aprendendo” trouxe especialistas que debateram sobre novas possibilidades de convivência, dentro do contexto escolar e familiar.

 

A deputada Angela Águida Portella (PP) participou do segundo dia do evento e ministrou palestra sobre ações voltadas para a criação do Centro de Apoio à Família (TEAMARR) e discorreu sobre sua trajetória na luta por políticas públicas.

 

“Foram dois dias de intenso conhecimento, troca de experiências e relatos de familiares na busca da construção de uma sociedade mais justa e que respeite as diferenças. Precisamos levar informações sobre o autismo e que as pessoas compreendam o comportamento peculiar dessas crianças”, ressaltou. 

 

 

 

À tarde, as discussões foram voltadas para os desafios da inclusão escolar para alunos com TEA e a importância da capacitação da equipe pedagógica, com Thomas S. Higbee, professor e associado do Departamento de Educação Especial e Reabilitação da Universidade Estadual de Utah, nos Estados Unidos. A doutora em Educação Especial e especialista em Análise de Comportamento Ana Paula e a fonoaudióloga clínica e terapeuta certificada pelo Hanen Centre (Canadá) Grace Cristina também participaram das discussões. A palestra de encerramento teve o tema “A pessoa com TEA, vivendo e aprendendo”.

Texto: Kátia Bezerra

Foto: Tiago Orihuela

SupCom ALE-RR

Compartilhar
banner assembleia 120x600 ou 160x600

Arquivos

banner assembleia 120x240
banner assembleia 125x125

0